menu

Image Map

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Aleatório .







Oi, como estão ? Quero que respondam no final do post, por favor. 

Tem uns dias que só o que preciso é que alguém pergunte de verdade como é que eu estou. Não uma coisa  rotineira sabe, mas que tenha vontade de saber mesmo. Queira que eu compartilhe dos meus sentimentos e não fiquei contente apenas com aquela resposta vaga de " estou bem" e ponto final.
Hoje foi um dia bem chato, choroso e estressante. Eu tive vontade de morrer mil vezes e tive vontade de vive mais mil vezes mais. O ruim do cotidiano, dessa vida corrida, dessa falta de conversas cara a cara é isso. Você nunca sabe o que se passa com aquela pessoa. Eu posso compartilhar um OI mega feliz e colocar uma carinha tipo essa ^-^ e na verdade eu estou dessa forma :( :'( :X e você nunca vai saber, sabe por que ? Pelo simples motivo de você ter se convencido apenas com aquele "tudo bem". Hoje não apareci no blog para complicar nada e nem para estampar minha tristeza e muito menos fazer que sintam pena de algo ou alguém. Mas quero que pensem e reflitam um pouco mais sobre essa vida que estamos vivendo. Cadê os abraços apertados ? Os encontros com conversas sérias, sem aquela necessidade de tá com o celular na mão todo tempo. Cadê a piada sem graça, aquele " olha amiga" e a pessoa te olhar na hora e não apenas responder : " calma ai, deixa eu responder isso aqui".

Eu na maioria das vezes sou essa pessoa e tenho vivido essa vida, mas hoje me deu um estalo e percebi que eu preciso viver um pouco mais e me importar mais com as pessoas. Ir visitá-las e acabar com isso de que morro de saudades e na hora não tenho vontade de andar duas quadras.

Tá confuso esse post ? Espero que não. Hoje como disse, foi um dia difícil e eu no final do dia fui abençoada com vários sorrisos e um final de dia lindo. 
 E sempre que você ficar meio down e pensar em morrer mil vezes, lembre-se que alguém se importa de algum jeito com você. E se tu achar que não tem, vai pra frente do espelho e te olha por uns minutos. Ai tu vai entender que você precisa se fazer feliz, ai sim vão te fazer.  Vamos sorrir, amar, se IMPORTAR e viver . 

Espero que me entendam e me compreendam. Beijos e muitos cheiros . <3





7 comentários:

  1. tem dias que estou deste mesmo jeitinho, me sinto péssima, principalmente, por sentir esse mister de emoções bem confusas. Então, nada de post confuso e sim muito claro e super identifiquei.
    E respondendo a sua pergunta: hoje estou bem, e querendo viver 100000 vezes!
    Jéssica, também moro no Maranhão e tenho um blog também, espero pela sua visita!

    ResponderExcluir
  2. eu te entendo e o pior é que, na maioria das vezes, eu só consegui me confortar virtualmente (tu sabe do que eu tô falando) enfim... quando quiser conversar me chama, nunca mais fizemos isso. Ah! Não vou conseguir ir pra niver se Jean mas em agosto eu tô aí :3
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Essa sensibilidade é ótima Jéssica! É muito bom estar com as pessoas no qual gostamos e de vivenciar nosso cotidiano com elas. Embora elas estejam distantes e não se esforçam para vir até nós. Busquemos nós a elas, mesmo sendo uma atitude difícil, isso, imagine só, já dá uma sacudida, você se sente especial por ter dado o primeiro passo e a pessoa também se sentirá especial por ser lembrada. São nesses momentos que percebemos que nossas experiências são únicas e assim podemos guardá-las na memória eternamente. Olhar olho no olho fortalece os vínculos. Nunca pense que estás sozinha. Ele, Deus, se importa com você e muitas pessoas também. Pode crê nisso. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Jess, menina tava pensando sobre umas coisas assim esses dias! A maioria das pessoas só querem saber como a gente tá por especulação tbm, né? Aí acabamos criando um bloqueio e nos limitamos a dizer que está tudo bem, quando na verdade estamos dentro de uma nontanha russa de sentimentos. Também me sinto assim as vezes e falta alguém que queira de verdade saber de tudo. Mas aí eu paro e penso que eu estou me importando então bora fazer alguma coisa pra mudar! Alguns chamam de egoísmo, eu chamo de amor próprio ♥

    Beijos

    www.meninatecontei.com

    ResponderExcluir
  5. Também sinto falta dos abraços apertados, Je! Fica tudo mais cômodo pelas redes sociais, mas cômodo não quer dizer que esteja bem... Sinto falta de sair com as amigas, um dia qualquer, no meio da tarde, jogar conversa fora.. sem nenhuma pretensão aparente...
    Mas, a vida não é facil e cobra caro.

    Beeijo
    http://www.blogandocomadeni.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Nossa, Jéss... Que profundo! É muito ruim viver nesse mundinho "on e off" mesmo. Às vezes, fico bem chateada... Acho que ninguém se importa comigo e que não tenho ninguém pra confiar. É muito ruim! Nada melhor do que estarmos perto de quem amamos, de quem se importa com a gente, pra desabafar, sorrir e ficar bem consigo mesma. Amei o post, é sempre bom refletirmos! Beijo... <3

    www.distorcidomundo.com

    ResponderExcluir
  7. Muito profundo o post...super verdadeiro, aquilo que nos torna mais perto, realmente é o que está nos distanciando...saudades do tempo de calor humano. Bj.querida, amei o post.

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo . Exponha sua opinião e volte sempre. :)